A falta de higiene durante a colheita comercialização do açaí

Quais são os principais aspectos da higiene do estabelecimento?

Esses aspectos incluem o controle da matéria prima, cuidado com as características das instalações, equipamentos e utensílios, higiene do estabelecimento, higiene dos manipuladores, armazenamento e transporte dos alimentos.

Quais são os principais cuidados com a higiene pessoal?

1. HIGIENE PESSOAL • Tirar barba ou bigode; • Usar os cabelos presos ou cobertos por redes ou toucas; • Manter roupas e aventais sempre limpos, trocando-os diariamente e sempre que necessário; • Não manipular alimentos quando estiver doente (ex: resfriado) ou apresentar algum tipo de lesão nas mãos e unhas;

Qual a responsabilidade de ter higiene e segurança no trabalho?

De acordo com a legislação em vigor (lei n.º 102/2009 de 10 de setembro), a responsabilidade de ter higiene e segurança no trabalho aplica-se: A todos os ramos de atividade, setores privado, cooperativo e social; Aos trabalhadores por conta de outrem e respetivos empregadores;

Qual a faixa de contaminação que o alimento pode conter?

A RDC 12 de 2 de janeiro de 2001 estabelece a faixa de contaminação que o alimento pode conter. Esses parâmetros são definidos de acordo com alguns critérios.


Quais os cuidados que se deve ter durante o processo de colheita para manter a integridade dos alimentos?

Pré-resfriar os frutos o mais rápido possível, desinfectar câmaras, embalagens e equipamentos e manter a temperatura e umidade relativa constantes e indicadas para o produto ou a variedade, podem também retardar o desenvolvimento de doenças pós-colheita durante o armazenamento.


Como se pode evitar as perdas durante a Pós-colheita?

Utilizar caixas de plástico ao invés de caixas de madeiras para evitar contaminações, apoiar as caixas sobre um carrinho para que não fique em contato direto com o solo, reduzir a manipulação e proteger os alimentos do sol imediatamente após a colheita são detalhes simples, mas que mantêm a qualidade e prolongam a …


Quais os fatores que contribuem para as perdas Pós-colheita?

As principais razões dessas perdas encontram-se na falta de pessoal habilitado, no uso de práticas inadequadas de produção e no desconhecimento de técnicas adequadas de manuseio pós-colheita.


Quais são os cuidados durante o resfriamento de produtos vegetais?

Para a maioria das frutas e/ou hortaliças recomenda-se alta umidade relativa do ar, em torno de 90-95%. Por outro lado, o ar deve ter uma velocidade ideal de circulação, para manter a temperatura uniforme. É importante que o empilhamento seja adequado para não bloquear a passagem do ar no interior da câmara fria.


Como fazer resfriamento de alimentos?

O resfriamento é um procedimento adotado com o objetivo de baixar a temperatura de alimentos quentes, reduzindo o tempo de exposição na zona de perigo. Para um resfriamento correto, a temperatura do alimento quente deve ser reduzida de 60°C a 10°C em até duas horas.


Quais são os fatores que devem ser observados para que a refrigeração seja mais eficiente na conservação das hortaliças?

Os fatores que afetam o armazenamento refrigerado são: temperatura, umidade relativa e velocidade de circulação do ar. Dentre eles o mais importante é de longe a temperatura. A temperatura é responsável por aproximadamente 70% de uma boa conservação.


Qual a função do resfriamento rápido?

O resfriamento rápido é o procedimento utilizado para remover o calor de campo, logo após a colheita, dos frutos, fazendo com que a fruta atinja logo, a temperatura definitiva de armazenamento. É de extrema importância que o calor de campo seja retirado o mais rapidamente possível.


¿Qué microorganismos contaminan las frutas y hortalizas?

Entre los microorganismos mas habituales están la Shigella, patógeno entérico muy común en frutas y hortalizas. Esta bacteria provoca la enfermedad conocida como “disentería bacteriana” que aunque no crece a temperaturas de refrigeración si puede sobrevivir durante largos períodos de tiempo en estas condiciones. La Salmonella es otro patógeno que contamina en ocasiones las frutas y hortalizas, generalmente a través de las aguas de riego. Uno de los patógenos mas conocidos es la Escherichia coli, ya que se está convirtiendo cada vez más en un importante agente patógeno. La enfermedad que causa es la conocida como “enfermedad del viajero.


¿Qué alimentos son los más seguros para la salud?

No todos los alimentos representan un riesgo equivalente como vehículo de patógenos alimentarios. Las frutas y hortalizas, particularmente no procesadas, se encuentran entre los alimentos más seguros. Hacia finales de los años 80, se realizó un estudio en Canadá, en el que se estimó que sólo un 1% de intoxicaciones alimentarias fue producido por las frutas y hortalizas sin procesar. En el mismo estudio se comprobó además, pocos casos de enfermedad pueden asociarse al consumo de productos hortofrutícolas.


O que são as Doenças Transmitidas por Alimentos (DTA)?

A sigla DTA designa as Doenças Transmitidas por Alimentos. Essas doenças são causadas pela ingestão de alimentos e/ou água contaminados por micro-organismos patogênicos, toxinas ou substâncias químicas.


Quais tipos de contaminantes podem causar Doenças Transmitidas por Alimentos?

As DTA podem ser causadas por inúmeros agentes etiológicos. Os principais são os micro-organismos e as toxinas. Além deles, existe os tipos de Doenças Transmitidas pelo Alimentos que são causadas também por agentes químicos e que são muito prejudiciais à saúde. Vamos entender mais sobre esses agentes.


Como esses contaminantes chegam ao alimento?

Os alimentos podem ser contaminados em qualquer fase de sua produção, em toda a cadeia alimentar. Desde o momento do plantio e da colheita na fazenda, passando pela indústria processadora e até no momento da ingestão na casa do consumidor.


Quais os sintomas das Doenças Transmitidas por Alimentos?

Os sintomas das DTAs são os mais variáveis possíveis. Na maior parte dos casos estão associados a manifestações do trato gastrointestinal. De forma genérica pode envolver diarreia, vômito, náuseas, anorexia, febre e dores de cabeça.


Exemplos reais de Doenças Transmitidas por Alimentos

Recentemente, tivemos uma contaminação alimentar na cervejaria Backer, causada pelo contato de uma substância tóxica com a cerveja. Essa contaminação foi responsável por causar mortes, além de deixar sequelas de insuficiência renal e problemas neurológicos.


Como prevenir as Doenças Transmitidas por Alimentos (DTA)

A maneira mais eficaz de realizar este controle é por meio do monitoramento dos processos. P ara isso, existem legislações que são fixadas às indústrias de alimentos e outras que são destinadas aos serviços de alimentação.


Como os órgãos de vigilância descobrem a fonte de uma DTA?

A partir do momento em que há a notificação de um surto de origem alimentar, os órgãos de vigilância devem fazer uma investigação para elucidação do diagnóstico dessas enfermidades.

Leave a Comment