A forma mais bonita de comer açai

image

Por que é tão difícil comer menos?

Isso é muito frequente, já que nosso cérebro é mais sensível a sinais externos, como um prato vazio, que um sinal interno, como o estômago cheio. Este é um dos problemas mais difíceis de serem resolvidos quando o assunto é comer menos.

Como ser mais bonita e bonita?

Seguir uma alimentação saudável permitirá a você ser uma pessoa saudável, libertar as toxinas que tanto inflamam a sua pele e se sentir mais feliz com você mesma. Quando cuidamos de nós mesmas, nos sentimos orgulhosas do que fazemos, do nosso esforço e isto se traduz em quatro palavras: uma mulher mais bonita.

Como comer com a família?

Sirva-se na cozinha e deixe apenas saladas e vegetais na mesa Se você tem o costume de comer com a família e dispor todos os pratos à mesa para que as pessoas se sirvam conforme queiram, é provável que você coma além do necessário. Isso acontece porque é mais fácil servir-se de algumas colheradas a mais mesmo depois de estar satisfeito.

Como ser mais bonita no dia a dia?

Para ser bonita você precisa ser agradável, evite chegar a todos os lugares com cara séria ou como se algo tivesse acontecido com você. Se você vai a uma reunião onde conhecerá pessoas novas, deixe-se conhecer, revele seu encanto, converse, não tenha medo de dar suas opiniões.

image


2. Hambúrguer de acampamento

Os hambúrgueres são a primeira coisa que vem à mente das pessoas quando pensam em fast food. O que muitos não sabem é que existe uma maneira de comê-los de forma muito mais rápida do que através de um drive-thru: comprá-los em lata! Sim, o “hambúrguer de acampamento” é literalmente um hambúrguer enlatado.


4. Tamago Gohan

Os ovos são um alimento popular para o café da manhã em muitos lugares do mundo e há muitas maneiras de cozinhá-los: fritos, mexidos, etc. No Japão, no entanto, um prato de café da manhã popular inclui ovos crus. É simplesmente um ovo cru servido no arroz cozido.


5. Dondurma

A resposta turca ao sorvete comum na verdade parece mais um bolo, devido à sua textura espessa e elástica. Ao contrário do sorvete ocidental, o turco é feito com um agente espessante. Em razão disso, às vezes é preciso utilizar uma faca ou garfo para comer esse sorvete.


6. Tavuk Göğsü

As pessoas gostam de frango. As pessoas gostam de sobremesa. Mas você nunca teria pensado que as pessoas combinariam os 2 em 1 só. No entanto, isso foi feito. E assim nasceu o Tavuk Göğsü! É uma sobremesa turca que combina farinha de arroz, frango, canela e leite açucarado. Quem provou afirma que tem gosto de um cruzamento entre frango e pudim.


7. Yukhoe

Ao longo dos anos, a carne crua tornou-se um alimento básico em muitos pratos, como o tartar de carne. Este prato coreano é algo semelhante, mas tem um toque ligeiramente diferente. De acordo com o Great British Chefs, a carne é separada da gordura e marinada em molho de soja, açúcar e óleo de gergelim.


8. Sankaya

Se o pão pode ser perfeitamente utilizado como uma tigela para sopas, as abóboras são ainda melhores. Esse prato tailandês é feito ao vapor de leite de coco e ovo dentro de uma abóbora vazia. É popular entre os vendedores ambulantes, e acredita-se que o prato é inspirado nos portugueses.


9. Molho de banana

Nas Filipinas, a falta de tomates faz com que o molho dessa fruta seja um produto difícil de obter. Por isso, os moradores locais precisam usar o jogo de cintura e a criatividade. Nós apresentamos sua invenção, o molho de banana. As pessoas dizem que geralmente é mais doce do que o tempero à base de tomate.


Como nosso cérebro pode nos enganar

Quantas vezes você só percebeu que já estava cheio quando o prato ficou vazio? Isso é muito frequente, já que nosso cérebro é mais sensível a sinais externos, como um prato vazio, que um sinal interno, como o estômago cheio.


1. Use pratos menores

Um prato cheio manda um sinal ao cérebro de que você está comendo uma refeição completa, ao mesmo tempo em que um prato com menos comida vai aparentar uma refeição deficiente, independente da quantidade de comida que ele contém.


2. Sirva-se na cozinha e deixe apenas saladas e vegetais na mesa

Se você tem o costume de comer com a família e dispor todos os pratos à mesa para que as pessoas se sirvam conforme queiram, é provável que você coma além do necessário.


3. Use copos mais altos

Este é o mesmo princípio do prato menor para comer menos: a altura do copo vai influenciar em como o cérebro reconhece a quantidade de líquido. Um copo mais alto aparenta ter maior quantidade, mas na verdade o volume de líquido pode ser o mesmo de um copo menor e mais largo.


6. Deixe os lanchinhos fora de vista

Estudos comprovam que temos maior tendência a comer mais quando a comida está à vista do que quando está guardada fora do nosso campo de visão. Além disso, algumas pesquisas demonstram que é mais provável que você desista de comer algo se houver algum obstáculo entre você e a comida, mesmo que seja apenas uma caminhadinha até a geladeira.


7. Mastigue direito

Temos a péssima tendência de não mastigar completamente os alimentos, principalmente quando não prestamos atenção no que estamos comendo. Se você é uma dessas pessoas que come depressa, muito provavelmente está comendo mais do que deveria.


8. Comece pela salada

Se você é daqueles que quando está com fome parte logo para os ingredientes mais apetitosos, repense seus hábitos, pois isso te faz comer mais do que seria necessário.


Barrinha de cereal

Esse é um alimento que se adaptou muito bem à correria do dia a dia. No entanto, é preciso ter cuidado ao escolher, pois como qualquer outra fonte de energia, a barra tem que ser consumida com moderação, pois a composição nutricional depende muito de cada produto, clique no “leia mais” e aprenda a escolher a opção mais saudável.


Cenoura baby ou tomate cereja

Esses alimentos são fontes de fibras, de antioxidantes –que ajudam no combate ao envelhecimento das células– e de nutrientes. Ainda são baixíssimos em calorias. Caso queira incrementar, basta um fio de azeite e um pouco de sal. Sugestão de consumo: um pires. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.


Coco seco

Opção de gordura “boa” e que proporciona saciedade, por também ser rica em fibras. Sugestão de consumo: três pedaços médios. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.


Cookie integral

Rico em fibras e proteínas, normalmente inclui ingredientes benéficos à saúde, como gergelim, fibra de beterraba, óleo de girassol e linhaça. Sugestão de consumo: de três a quatro unidades. Fonte de carboidrato.


Frutas desidratadas

A praticidade e o alto valor nutritivo fazem delas uma opção de alimentação saudável. Mesmo com a secagem, elas ainda contêm quase todas as propriedades da fruta, com exceção da vitamina C e do complexo B que se perdem no processo. Sugestão de consumo: uma colher de sopa. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.


Iogurte

Importante fonte de proteína, cálcio, zinco, vitamina A e vitaminas do complexo B. Contribuem para a construção, reparação e renovação dos tecidos do corpo, incluindo pele, unhas e cabelos; para a formação e manutenção dos ossos e para a produção de energia. Mas é preciso ficar atento à tabela nutricional e escolher as opções mais saudáveis.


Oleaginosas

São fontes de gorduras saudáveis, que auxiliam no controle do colesterol sanguíneo e da pressão arterial, diminuindo o risco de doenças cardiovasculares. O consumo de gordura boa ainda aumenta a saciedade. Sugestão de consumo: um punhado. Fonte de proteína.


Pele do rosto

1. Para hidratar-se e proteger-se, beba água no decorrer o dia e chá verde no lanche da tarde. “Os polifenóis (elementos antioxidantes) do chá-verde são fotoprotetores. Daí prevenirem o fotoenvelhecimento”, conta a autora do livro A Dieta da Beleza, Lisa Drayer.


Olhos

4. Você sabia que pode manter o brilho dos olhos ao comer certos tipos de alimentos? Pimentão, laranja, morango, limão e brócolis são fontes de vitamina C. Quando consumidos frescos, levam antioxidantes ao organismo, nutrindo os olhos. Os ácidos graxos ômega 3 da sardinha e do espinafre também realçam a íris e cia.!


Dentes

5. Evite doces e comidas grudentas no decorrer do dia se quiser uma boca saudável! O amido se prende entre os dentes e fica alimentando as bactérias, que os deterioram.


Unhas

8. Para manter as unhas bem cuidadas, use um hidratante de mãos sempre que lavá-las. Crie esse hábito principalmente se estiver sem esmalte. Assim, “impermeabiliza” as garras. Passe loção na mão toda e massageie as cutículas com hidratante para que a circulação chegue à matriz da unha.


Cabelos

12. Para evitar que os fios quebrem à toa, inclua betacaroteno em sua dieta: é um nutriente que age diretamente no couro cabeludo! E também coma fontes de vitamina B (banana, queijo, atum e verduras), capazes de evitar que os fios fiquem quebradiços.


Por que algumas pessoas comem compulsivamente?

Desde que nascemos, a comida está intimamente relacionada às nossas emoções. Criamos um vínculo materno através da alimentação, comemos ao comemorar e até para nos consolar de algum problema.


Como o hábito de comer demais começa?

Em alguns casos, as pessoas simplesmente não percebem que estão comendo de forma exagerada, ou porque comem distraídas e não se dão conta de que já comeram demais, ou porque realmente não identificam o problema.


É possível ser viciado em comida?

Algumas pesquisas recentes indicam que existem alguns tipos de comida que podem ser viciantes, como é o caso de alimentos abundantes em gordura, açúcar e sal.


1. Procure ajuda

Pode ser muito difícil parar de comer compulsivamente sem a ajuda de um profissional, principalmente se o problema tem a ver com a questão emocional. A ajuda de um terapeuta pode ajudar a desvendar quais são os gatilhos de se comer em excesso.


2. A resposta não está em mais uma dieta

Existe uma grande chance de que a compulsão alimentar tenha começado justamente por causa de uma dieta, por isso uma dieta diferente não vai ajudar e pode até atrapalhar.


3. Coma mais devagar

Normalmente, quem come compulsivamente também come muito rápido. Uma pesquisa realizada na Universidade de Flórida constatou que o cérebro de uma pessoa magra demora cerca de 12 minutos para receber os primeiros sinais de saciedade, mas esse número sobe para 20 minutos ou mais se esta pessoa for obesa.


4. Coma em pratos menores

Existem algumas formas de comer menos sem perceber enganando o seu cérebro. Ao colocar menos comida em um prato, o seu cérebro pode identificar aquela refeição como insuficiente, já que ele está acostumado a uma porção farta naquele prato.


¿Como ser mais bonita?

Como dissemos a você no começo do artigo, a beleza nasce no nosso interior. Portanto, para ser mais bonita deve começar por se amar e se aceitar como você é. Para conseguir este passo, é necessário deixar de se ferir em frente do espelho, ao invés disso, assuma e aceite seus defeitos ou o que não te agrada em seu corpo como parte de você; logo verá que começa a parecer muito melhor do que sua mente pensa neste momento.


¿Porque é necesario se ejercitar?

Começar a se exercitar pode ser muito aborrecido no princípio, mas depois que se começa, é viciante. Você vai querer melhorar cada vez mais sua resistência física; quando começar a ver os resultados não vai querer parar e, como se fosse pouco, tem um efeito tão positivo no estado de ânimo que verá que seus dias ficam mais felizes. Tudo isto sem contar com os benefícios do exercício para sua saúde.

image

Leave a Comment