A revolução francesa visava acabar com qual forma de governo

Qual foi o início da Revolução Francesa?

Os historiadores sugerem o ano de 1789 como o início da Revolução Francesa. Mas esta, por uma das “ironias” da história, começou dois anos antes, com uma reação dos notáveis franceses — clérigos e nobres — contra o absolutismo, tendo sido inspirada em ideias iluministas, e se pretendia reformar e para isso buscava limitar seus privilégios.

Quais foram as consequências da Revolução Francesa no fim da monarquia absoluta?

No texto da Constituição, determinava-se o fim da monarquia absoluta e estipulava-se que a França era transformada em uma monarquia constitucional. Isso decepcionou uma ala mais popular da revolução que almejava que o país fosse transformado em uma república democrática.

Quais foram as instituições políticas da Revolução Francesa?

A Revolução Francesa pode ser dividida dentro do período das instituições políticas que atuaram no país: 1 Assembleia Nacional Constituinte e Assembleia Legislativa (1789-1792); 2 Convenção Nacional (1792-1795); 3 Diretório (1795-1799). More …

Qual é a relação entre o rei e a Revolução Francesa?

O Rei entra em contato com os emigrados no exterior (principalmente na Prússia e na Áustria) e começam a conspirar para invadir a França, derrubar o governo revolucionário e restaurar o absolutismo. Para organizar a contra-revolução, o monarca foge da França para a Prússia, mas no caminho e reconhecido por camponeses, é preso e enviado à Paris.


O que mudou depois do fim da Revolução Francesa?

Em 1789, acontecia na França a revolução que marcaria o fim da Idade Moderna e início da Idade Contemporânea. A Revolução Francesa causou a queda de uma monarquia, o enfraquecimento da Igreja e o fim da aristocracia.


Quando a Revolução Francesa é correto afirmar que?

Sobre a Revolução Francesa é correto afirmar. A Revolução Francesa ocorreu em meio a uma crise econômica e foi produto de revoltas de burgueses, camponeses e trabalhadores urbanos. A Revolução Francesa é considerada a primeira Revolução Comunista, pois, até hoje, esse sistema molda as instituições no mundo ocidental.


O que aconteceu com a monarquia absolutista na Europa até sua queda com a Revolução Francesa?

Fim do Absolutismo O Absolutismo deixou de existir como forma de governo por volta do século XIX, uma vez que já era contestado pelos ideais iluministas. A Revolução Francesa e as mudanças que surgiram a partir dela contribuíram para o fim dessa forma de governo em toda a Europa.


Qual foi o marco de início da Revolução Francesa?

Um grande marco da Revolução Francesa, a queda da Bastilha aconteceu em 14 de julho de 1789 e representou, também, a queda da monarquia francesa. Na Bastilha ficavam presos aqueles que iam contra os ideais da monarquia, entre eles diversos intelectuais e revolucionários.


Por que a Revolução Francesa foi um marco na história da humanidade?

A Revolução Francesa foi um marco na história da humanidade, porque inaugurou um processo que levou à universalização dos direitos sociais e das liberdades individuais a partir da Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão.


Quais foram as causas que levaram ao início da Revolução Francesa?

Causas da Revolução Francesa A Revolução Francesa foi resultado da crise econômica, política e social que a França viveu no final do século XVIII. Essa crise na França foi consequência direta de uma sociedade marcada pela desigualdade típica do Antigo Regime, nome pelo qual ficou conhecido o absolutismo na França.


O que provocou o fim do absolutismo?

Os franceses celebram a queda da Bastilha, ocorrida em 14 de julho de 1789, como um marco da Revolução Francesa, que levou ao fim do regime absolutista. Entre os séculos 15 e 18, o absolutismo foi o sistema político e social que vigorou na maior parte da Europa.


O que marca o fim da Revolução Francesa?

A Revolução Francesa é o nome dado ao ciclo revolucionário que aconteceu na França entre 1789 e 1799 que marcou o fim do absolutismo nesse país.


O que aconteceu no fim da Revolução Francesa?

5 de maio de 1789 – 9 de novembro de 1799Revolução Francesa / Período


Qual e o principal objetivo da Revolução Francesa?

A Revolução Francesa aconteceu entre os anos de 1789 e 1799, marcando o fim da monarquia e a criação de uma república baseada nos princípios de liberdade, igualdade e fraternidade. Antes dessa transformação, a sociedade da França era estruturada nos moldes do feudalismo.


Qual foi a principal consequência da Revolução Francesa?

Ampliação dos direitos e privilégios da burguesia; Fortalecimento do capitalismo; Fim do absolutismo francês; Originou uma Constituição.


Quais são os ideais da Revolução Francesa?

“Liberdade, Igualdade e Fraternidade”, esse foi o lema dessa luta que marcou a história e que determinou as diretrizes do que hoje entendemos por justiça e democracia. Os fatores que desencadearam a Revolução Francesa, no final do século XVIII, são fundamentalmente de ordem ideológica e econômica.


E correto afirmar que a Revolução Industrial?

(Uel 2008) Sobre a Revolução Industrial, é correto afirmar: a) As Américas anglo-saxônica, hispânica e portuguesa não vivenciaram, como a Europa, o crescimento da mão-de-obra e a consequente baixa nos salários em função de uma melhor distribuição dos trabalhadores entre o campo e a cidade.


Quanto a Revolução Industrial podemos afirmar que?

A Revolução Industrial foi o período de grande desenvolvimento tecnológico que teve início na Inglaterra a partir da segunda metade do século XVIII e que se espalhou pelo mundo, causando grandes transformações. Ela garantiu o surgimento da indústria e consolidou o processo de formação do capitalismo.


O que foi decidido na Assembleia Nacional?

Houve a abolição do feudalismo e foi proclamada a igualdade civil, ou seja, foram suprimidos os privilégios e as ordens sociais. Ainda assim, a escravidão foi mantida nas colônias. Os protestantes e judeus são reconhecidos como cidadãos.


O que expressa as características do período do Terror na França?

O Terror na Revolução Francesa. O período do Terror (1792-1794), durante a Revolução Francesa, foi marcado pela perseguição religiosa e política, guerras civis, e execuções na guilhotina.


¿ Quem abolira os privilegios?

No dia 4 de agosto de 1789, os parlamentares da Assembleia Constituinte aboliram os privilégios oriundos do Antigo Regime da França.


¿ O que é a Queda da Bastilha?

O estopim que espalhou o ímpeto revolucionário pela França foi a Queda da Bastilha, que aconteceu em 14 de julho de 1789.


Contexto histórico

No final do século XVIII, a França era um país agrário, com a produção estruturada no modelo feudal. Isso significava que existiam impostos e licenças que só eram válidos para determinadas regiões. O poder político estava concentrado no rei e num pequeno número de auxiliares.


Causas da Revolução Francesa

A burguesia francesa, preocupada em desenvolver a indústria no país, queria acabar com as barreiras que restringiam a liberdade de comércio internacional. Desta forma, era preciso que se adotasse na França, segundo a burguesia, o liberalismo econômico.


Convenção Nacional (1792-1795)

A Assembleia Legislativa foi substituída, através do sufrágio universal masculino, pela Convenção Nacional, que aboliu monarquia e implantou a República. Os jacobinos eram a maioria neste novo parlamento.


Diretório (1794-1799)

A fase do Diretório dura cinco anos e se caracteriza pela ascensão da alta burguesia, os girondinos, ao poder. Recebe este nome, pois eram cinco diretores que governavam a França.


Antecedentes

A situação de França, no entanto, era agora crítica no plano político-econômico. Contando com cerca de 25 milhões de habitantes, a sociedade era altamente estratificada. O topo da pirâmide era ocupado por cerca de 120 mil pessoas que detinham cargos na Igreja, possuidoras de 10% das terras do reino.


Causas

Em 1789, para solucionar o grave déficit das contas públicas, o ministro de Finanças, Jacques Necker, propôs que o clero e a nobreza passassem a pagar impostos. A ideia foi rejeitada. Pouco depois, contudo, com o agravamento da crise, Luís XVI convocaria os chamados Estados Gerais pela primeira vez em quase 200 anos para discutir soluções.


Monarquia constitucional

Nos dois anos que se seguiriam, Luís XVI e sua família permaneceram confinados em um palácio em Paris. Neste período, aconteceu a promulgação da primeira Constituição da França, em 1791. A Carta Magna francesa estabelecia a divisão entre os três poderes do Estado e definia a monarquia constitucional como forma de governo.


Período do Terror

Uma Constituição Republicana foi em breve elaborada, concedendo o sufrágio universal masculino. Agora predominantes na Convenção Nacional por sua vitória nas eleições, os jacobinos tiveram a força necessária para enfrentar a investida contrarrevolucionária liderada pela Áustria.


Diretório

Tal medida já evidenciava o caráter essencialmente conservador que teria o governo girondino. Em 1795 seria aprovada uma nova Constituição. De caráter liberal, ela acabou reintroduziu o voto censitário e colocou o poder Executivo nas mãos do chamado Diretório, órgão que seria composto por cinco pessoas eleitas entre os deputados.


Exercícios e questões de vestibulares

Alguns historiadores analisam que a Revolução Francesa (1789) comportou duas revoluções , ocorridas paralelamente: a burguesa e a camponesa. Assinale a alternativa incorreta, a respeito de algumas das questões que justificariam essa análise sobre a Revolução Francesa.


Descrição geral

Revolução Francesa (em francês: Révolution française) foi um período, entre 1789 e 1799, de intensa agitação política e social na França, que teve um impacto duradouro na história do país e, mais amplamente, em todo o continente europeu. A monarquia absolutista que tinha governado a nação durante séculos entrou em colapso em apenas três anos. A sociedade francesa passou por uma transformação épica, quando privilégios feudais, aristocráticos e religiosos evaporaram …


Causas

Os historiadores apontaram muitos eventos e fatores no Antigo Regime que levaram à Revolução. O aumento da desigualdade social e econômica, as novas ideias políticas emergentes do iluminismo, a má gestão econômica, os fatores ambientais que levaram ao fracasso agrícola, a dívida nacional incontrolável e a má gestão política por parte do rei Luís XVI foram citados como fatores que for…


Antigo Regime

A causa mais forte de Revolução foi econômica, já que as causas sociais, como de costume, não conseguem ser ouvidas por si sós. Os historiadores sugerem o ano de 1789 como o início da Revolução Francesa. Mas esta, por uma das “ironias” da história, começou dois anos antes, com uma reação dos notáveis franceses — clérigos e nobres — contra o absolutismo, tendo sido inspirada e…


Monarquia Constitucional

Após a Assembleia Nacional, o rei demitiu o ministro Jacques Necker, conhecido por suas posições reformistas. Em razão disso, a população de Paris se mobilizou e tomou as ruas da cidade. Os ânimos mais exaltados conclamavam todos a tomar as armas. O rei decidiu reagir fechando a Assembleia, mas foi impedido por uma sublevação popular em Paris, reprodu…


Primeira República

Após o término das deliberações da Assembleia Constituinte em 1791, a burguesia passou a uma posição conservadora, por entender que as principais mudanças já haviam sido implementadas na sociedade francesa. A situação do povo mais pobre, porém, pouco tinha mudado. Os camponeses continuavam sem terra e nas cidades a situação tornava-se cada vez mais desesperadora. …


Impacto

O sociólogo do século XX Raymond Aron (1905–1983) escreve, em O ópio dos intelectuais, o seguinte, a propósito da revolução francesa, comparando-a com a evolução da Inglaterra:
A passagem do Ancien Régime para a sociedade moderna é consumada na França com uma ruptura e uma brutalidade únicas. Do outro lado do Canal da …


Ver também

• Tabela cronológica da Revolução Francesa
• Barrete frígio
• História da França
• Encyclopédie
• Museu da Revolução Francesa


Resumo

  • Dentre os principais acontecimentos e informações relativos à Revolução Francesa, podem ser destacados: 1. A Revolução Francesa retirou sua base ideológica dos ideais iluministas. 2. Antes da revolução, a França era uma monarquia absolutista governada por Luís XVI. 3. A França vivia uma intensa crise econômica durante as décadas de 1770 e 1780, e e…

See more on mundoeducacao.uol.com.br


Causas

  • Luís XVI era o rei francês durante a década de 1780. A Revolução Francesa foi resultado direto da crise que a França vivia no final do século XVIII. A insatisfação popular (com a crise econômica e política que o país vivia) aliou-se com os interesses da burguesia em implantar no país as ideias do Iluminismo como forma de combater os privilégios da aristocracia francesa. No final do séc…

See more on mundoeducacao.uol.com.br


Etapas Da Revolução Francesa

  • Depois da Queda da Bastilha, o processo de revolução espalhou-se pela França e estendeu-se pelos dez anos seguintes, sendo somente encerrado quando Napoleão Bonaparte assumiu o poder do país por meio do Golpe de 18 de Brumário. A Revolução Francesa pode ser dividida dentro do período das instituições políticas que atuaram no país: 1. Assembleia Nacional Consti…

See more on mundoeducacao.uol.com.br


Consequências

  • A Revolução Francesa estendeu-se por dez anos e, nesse período, uma série de transformações aconteceu naquele país. As transformações trazidas pela Revolução Francesa, porém, não se mantiveram apenas na França e espalharam-se pelo mundo. Elas foram: 1. Fim dos privilégios da aristocracia (nobreza e clero) na França; 2. Fim dos resquícios do feudalismoe início da consoli…

See more on mundoeducacao.uol.com.br


Exercício Resolvido

  • (Enem) Em nosso país queremos substituir o egoísmo pela moral, a honra pela probidade, os usos pelos princípios, as conveniências pelos deveres, a tirania da moda pelo império da razão, o desprezo à desgraça pelo desprezo ao vício, a insolência pelo orgulho, a vaidade pela grandeza de alma, o amor ao dinheiro pelo amor à glória, a boa companhia pelas boas pessoas, a intriga …

See more on mundoeducacao.uol.com.br


Contexto Histórico


Fases Da Revolução Francesa


Causas Da Revolução Francesa


Monarquia Constitucional


Convenção Nacional


Diretório

  • A fase do Diretório dura cinco anos e se caracteriza pela ascensão da alta burguesia, os girondinos, ao poder. Recebe este nome, pois eram cinco diretores que governavam a França. Inimigos dos jacobinos, seu primeiro ato é revogar todas as medidas que eles haviam feito durante sua legislação. No entanto, a situação era delicada. Os girondinos atraí…

See more on todamateria.com.br


Consequências Da Revolução Francesa


Exercícios sobre Revolução Francesa

Leave a Comment