Como fazer um plano de açao de emergencia

image

Para fazer um plano de emergência eficiente é fundamental começar por um mapeamento das instalações do local e também identificar quais são os pontos mais vulneráveis. Além disso, é preciso conhecer quem são as pessoas que estão nele.

Full
Answer

Como fazer um plano de emergência?

Como fazer um Plano de Emergência eficiente? Para fazer um plano de emergência eficiente é fundamental começar por um mapeamento das instalações do local e também identificar quais são os pontos mais vulneráveis. Além disso, é preciso conhecer quem são as pessoas que estão nele.

O que é um plano de atendimento emergencial?

O PAE é um plano elaborado para fornecer diretrizes, estratégias, informações e dados que permitam a adoção de procedimentos lógicos, técnicos e administrativos a serem adotados em casos de acidentes e situações de emergência. Quais as suas principais características?

O que é e para que serve o plano de atendimento de Acidentes e situações de emergência?

Toda empresa que possua alguma atividade com potencial de acidentes precisa elaborar o PAE (Plano de Atendimento Emergencial). Nele, é necessário existir a indicação de quem é a responsabilidade por atender a emergência caso ela venha a ocorrer.

O que é um plano de emergência e evacuação?

O plano de emergência e evacuação é necessário para garantir a segurança de todos os funcionários e para deixar a empresa de acordo com a legislação vigente. (Foto: Grupo Montessoriano) Os seguintes procedimentos são críticos em uma evacuação de emergência.

image


Como elaborar um plano de emergência?

Etapas de elaboração do plano de emergência contra incêndiomapeamento completo das instalações prediais para identificar pontos críticos e vulneráveis;identificação dos riscos na área interna, conforme o Mapa de Riscos Ambiental que foi elaborado pelo setor de segurança no trabalho.More items…


O que é plano de ação de emergência?

O Plano de Ação de Emergência – PAE, é parte integrante de um Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR), de modo que as tipologias acidentais, os recursos e as ações necessárias para minimizar os impactos possam ser adequadamente dimensionadas.


Quais são os componentes do plano de ação de emergência?

Componente técnico – Informação, proibição, obrigação, emergência sonora, mapas, plantas, equipamentos entre outros. Componente humano – É o centro de coordenação de emergência, o qual identifica os riscos e coordena as equipes etc. Componente formação – São as simulações, treinos e informações prévias.


Quem deve fazer o PAE?

Quem deve elaborar um PAE Para a elaboração e validação do PAE é necessário que este seja executado e assinado por um profissional legalmente habilitado, como profissionais da área de Segurança com proficiência no assunto.


Qual a função do PAE plano de atendimento de emergência?

OBJETIVOS Este Plano de Atendimento a Emergência tem como objetivo: Orientar pessoas e equipes responsáveis pelo atendimento a emergências, definindo as primeiras ações a serem adotadas e os recursos humanos e materiais disponíveis.


Qual a sequência correta de acionamento do plano de emergência?

Os procedimentos básicos na emergência contra incêndio, seguem uma seqüência lógica, de forma a serem executados até por uma pessoa, se necessário.5.1 Alerta. … 5.2 Análise da situação. … 5.3 Apoio externo. … 5.4 Primeiros-socorros. … 5.5 Eliminar riscos. … 5.6 Abandono de área. … 5.7 Isolamento da área. … 5.8 Confinamento do incêndio.More items…


2. Procedimentos de Intervenção

Devem encontrar-se estabelecidos e documentados os procedimentos e responsabilidades de atuação ao longo das diferentes fases de resposta à emergência. Neste sentido, devem encontra-se descritos os seguintes procedimentos:


3. Plantas de Emergência

As plantas de emergência são peças desenhadas que representam de uma forma simplificada a arquitetura do edifício, assim como a localização do observador e dos meios e equipamentos relacionados com a segurança contra incêndio (extintores, bocas-de-incêndio, botoneiras, etc.).


Vantagens do Plano de Emergência contra incêndio

São inúmeras as vantagens de um plano de emergência contra incêndio. Uma delas é que ele pode ajudar a evacuar as pessoas com segurança de algum local que estiver pegando fogo.


O que deve conter um Plano de Emergência?

Um plano de emergência deve levar em conta o espaço em que ele será aplicado e quem está nele. Mas, independente do tamanho do local, ele deve seguir algumas diretrizes que são:


Quem elabora um Plano de Emergência?

O Plano de Emergência deve ser elaborado de acordo com a legislação. Para isso, seus responsáveis, que são a Comissão Interna de Prevenção a Acidentes de Trabalho (CIPA) e o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), devem segui-la cuidadosamente para a elaboração desse.


Como fazer um Plano de Emergência eficiente?

Para fazer um plano de emergência eficiente é fundamental começar por um mapeamento das instalações do local e também identificar quais são os pontos mais vulneráveis. Além disso, é preciso conhecer quem são as pessoas que estão nele.


Como implantar o PAE?

Para implementar o Plano de Emergência, é preciso que ele se torne público para os funcionários. Ou seja, esse plano precisa ser divulgado e as pessoas que serão responsáveis por ele de alguma maneira, treinadas.


3. Estabelecer as ações adequadas para cada tipo de acidente

Coloque na coluna ao lado de cada um dos acidentes ou catástrofes que você identificou, estabeleça e registre as ações para cada caso.


4. Conseguir informações essenciais

Prepare uma lista com os contatos dos vizinhos, parentes e amigos, uma lista de pessoas que vivem próximo e têm habilidades especiais (ex. médicos, enfermeiros, eletricistas, bombeiros, etc.), uma lista dos serviços de emergência, polícia, bombeiros, ambulâncias e uma lista de organizações da comunidade (ex. Cruz Vermelha, igrejas, escolas, etc)


5. Definir responsabilidades e procedimentos

Combine com seus familiares quem vai fazer o quê.


6. Identificar métodos de comunicação de emergência

Pense em meios de comunicação alternativos, pois as linhas telefônicas podem ser danificadas, caso as estradas e acessos estejam interrompidos ou as linhas de telefones celulares estejam sobrecarregadas.


7. Estabelecer um ponto de encontro

Em muitas vezes uma catástrofe natural pode alterar a geografia local ou ainda impedir o acesso ao local de residência, estabeleça com a família a primeira, segunda e terceira opções de local de encontro.


8. Verificar a condição de cada pessoa e os recursos disponíveis

Checar as condições de saúde e ferimentos de cada pessoa e tomar, imediatamente, as ações necessárias para resolver a questão. Faça um inventário dos recursos disponíveis e administre-os para que consigam suportar, se possível, até 72 horas (tempo médio de chegada de auxílio externo).


9. Motivar os envolvidos a prepararem-se

Periodicamente reúna-se com sua família e, eventualmente, com amigos, parentes e vizinhos e conversem sobre o assunto, estudem materiais que possam ajudá-los a prepararem-se. Incentive todos para que adquiram os equipamentos, os alimentos, mochilas e outras coisas necessárias, treine regularmente (pelo menos duas vezes ao ano) a rota de fuga.

image


Organização Da Segurança

  • A organização da segurança deve enquadrar a estrutura, as funções e as responsabilidades das várias equipas que intervêm em situação de emergência: 1. Responsável de Segurança 2. Delegado de Segurança 3. Equipas de 1.ª intervenção 4. Equipas de evacuação 5. Equipas de 1.ºs socorros 6. Equipas de apoio A composição da organização de segurança deve a…

See more on apopartner.pt


Procedimentos de Intervenção

  • Devem encontrar-se estabelecidos e documentados os procedimentos e responsabilidades de atuação ao longo das diferentes fases de resposta à emergência. Neste sentido, devem encontra-se descritos os seguintes procedimentos: 1.º – Deteção/ perceção de um alarme de incêndio; 2.º – Difusão dos alarmes (restrito, setorial e geral); 3.º – Transmissão do alerta; 4.º – Execução e …

See more on apopartner.pt


Plantas de Emergência

  • As plantas de emergência são peças desenhadas que representam de uma forma simplificada a arquitetura do edifício, assim como a localização do observador e dos meios e equipamentos relacionados com a segurança contra incêndio (extintores, bocas-de-incêndio, botoneiras, etc.). As plantas de emergência devem ser elaboradas de acordo com a Norma Portuguesa NP4386 …

See more on apopartner.pt

Leave a Comment